Siga o Portal do Holanda
GRILAGEM

PF investiga denúncia de fraudes em documentos envolvendo funcionários do governo do Amazonas

Publicado

em

A Polícia Federal instaurou inquérito para apurar denúncia de falsificação de documentos no processo de habilitação para fins de compensação de reserva ambiental junto ao Instituto Chico Mendes. O beneficiário da fraude seria a Fazenda Vencedor, localizada  em Novo Aripuanã. Os alvos são altos funcionários e uma ex-funcionária da Secretaria de Política Fundiária do governo do Amazonas.

A PF já ouviu ao menos seis supostos envolvidos no esquema. Os crimes teriam ocorrido entre fevereiro e julho deste ano. 

Com o processo de Compensação aprovado mediante fraudes que teriam ocorrido com a chancela de funcionários da Secretaria de Assuntos Fundiários, a "Fazenda Vencedor"   poderia "receber, em doação, imóveis privados localizados em seu interior para fins de Compensação de Reserva Legal”,  ou buscar  recursos em bancos oficiais,  mesmo considerando a destruição de parte o do todo da  cobertura vegetal nativa que deveria ser preservada.

A investigação da PF foi iniciada a partir de um pedido do Ministério Público Federal. E começa a assustar muita gente envolvida em denúncias de grilagem de terras no Estado.

MOURÃO NÃO VEM MAIS

O presidente Jair Bolsonaro tirou do jogo político local seu vice Hamilton Mourão, que viria nesta terça-feira a Manaus receber o título de Cidadão do Amazonas. Na última hora mandou Mourão ir à posse do presidente argentino Alberto Fernández.

Comentando ontem o assunto, um político experiente deu boa risada: “Tirou o pirulito da boca da garotada!” Sujeito ruim, esse Bolsonaro. O vice tem boas intenções com o Amazonas.


+ BASTIDORES DA POLÍTICA

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2019 Portal do Holanda.